Mauá precisa de 30 médicos para rede de atenção básica

Para completar o quadro de funcionários da rede de atenção básica, Mauá precisa de mais 30 médicos que deverão ser contratados ainda neste mês, de acordo com a secretária de Saúde, Lumena Furtado. A afirmação foi feita durante a inauguração da quarta e última UPA (Unidade de Pronto Atendimento) da cidade nesta terça-feira (16/07).

De acordo com a secretária, os médicos que irão atuar nas UBSs (Unidades Básicas de Saúde) deverão ser contratados ainda neste mês. “Na rede de urgência emergência estamos com o quadro completo, mas temos certa dificuldade com férias e quando falta algum médico. Temos um acordo com os sete prefeitos para não competirmos uns com os outros na questão de contratação de médicos, o que é um grande passo para conseguirmos completar esse quadro”, disse.

Lumena lembrou ainda que é importante apoiar o programa do governo federal, Mais Médico, pois é uma maneira de resolver a falta de médicos no sistema público de saúde a médio prazo. “Mauá também irá aderir ao programa, que é aberto a todas as cidades. No momento, estamos fazendo o levantamento das exigências do Ministério da Saúde”, destacou.

O programa do governofFederal busca assegurar a presença desses profissionais em áreas carentes do País. A data final de inscrição para gestores, médicos e municípios é 25 de julho. Os municípios precisam indicar a quantidade de profissionais de que precisam e apontar as unidades de saúde que têm capacidade instalada para atuação dos médicos. Os médicos selecionados pelo programa receberão bolsa no valor de R$ 10 mil mensais e auxílio-deslocamento, de acordo com a localidade onde for atuar.

Atendimento humanizado – Entregue na manhã desta terça-feira (16/07), a UPA (Unidade de Pronto- Atendimento) Barão de Mauá, terá farmácia 24 horas e atendimento por classificação de risco e humanizado. Os novos parâmetros de atendimento também serão implementados nas unidades de pronto-atendimento que já estão em funcionamento.

De acordo com Lumena, a classificação de risco, que já está sendo colocada em prática em todo o País, prevê que pacientes com casos mais graves sejam atendidos primeiro. “As pessoas estão acostumadas a ser atendidas por ordem de chegada, mas dessa forma conseguimos dar atenção especial a um paciente com problemas cárdicos e, se necessário, transferi-lo para uma unidade de referência”, explicou.

Quanto à humanização do atendimento, a secretária afirmou que a unidade conta com duas salas de espera, farmácia 24 horas e cortinas entre as macas para garantir privacidade entre os pacientes. “O paciente passa por triagem é direcionado a uma sala já levando em consideração a classificação de risco”, disse.

A referência para a UPA Barão de Mauá será o Hospital Nardini e a nova unidade já trabalha em rede com cinco UBSs da região.

Manutenção mensal – O prefeito Donisete Braga destacou que está negociando com o governo federal a liberação de mais verbas para a manutenção mensal das quatro UPAs da cidade. Hoje cada unidade representa investimento de R$ 750 mil mensais, sendo que cerca de R$ 350 mil são repassados pelo Ministério da Saúde.

“Temos um atendimento regional no sistema de saúde de Mauá, pois também acolhemos pacientes de Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra. Somente o Nardini representa um custo de R$ 70 milhões por ano aos cofres públicos. Precisamos que essa parceria com o ministério seja fortalecida. Com o aumento da oferta, a demanda também cresce”, destacou o prefeito.

Braga lembrou ainda que há uma defasagem no repasse do governo federal de aproximadamente R$ 150 mil, para manutenção de três unidades de pronto-atendimento, referentes ao mês de dezembro. “Estamos em contato com o ministério e a liberação desse recurso deve ocorrer até agosto”, disse.

Também estão sendo pleiteados com o ministério recursos para reforma e ampliação de 23 UBSs e quatro pronto-atendimentos. “São reformas no sistema elétrico, hidráulico, aquisição de equipamentos e informatização do sistema. Solicitamos cerca de R$ 500 mil por unidade. O governo federal deve fazer a seleção das cidades contempladas nos próximos dias”, afirmou o prefeito.

Fonte: http://www.abcdmaior.com.br/noticia_exibir.php?noticia=51956

Anúncios

Sobre professoriristeu

Professor Iristeu é pedagogo e especialista em educação.
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s