Os desviados

cristaoTem crescido cada vez mais o número de pessoas que se afastam das igrejas. São chamados os desviados. Tem também crescido o número de fieis que se mudam de doutrinas, hora frequentando um templo hora muda para outro. No segmento evangélico os números chegam a mais de 10%  dos desigrejados, ou seja, pessoas que deixaram de frequentar a igreja, mas continua dizendo ser cristão.
Existe outro dado, ainda não computado , que corresponde aquelas pessoas que estão na igreja, porém sente-se decepcionados com a mesma .
É preocupante!
Os motivos que levam essas pessoas a se afastarem das igrejas podem ser vários, porém um é o central: decepção . Muitos ficam decepcionados por não encontrar aquilo que outrora foram prometido. Ao ser convidado lhe prometeram que lá, no templo, iriam mudar sua vida . Muitas promessas são focadas na teologia da prosperidade , onde o ficar cheio dos recursos físicos/materiais vem por primeiro. Sendo que o crescimento espiritual deveria ser a principal e única motivação.
Estão anunciando uma mensagem sem respaldo das Escrituras. Uma mensagem própria e não a do Cristo.
A raiz dessa situação tem nome e endereço:  os líderes religiosos.  Muitos se autointitula homens de Deus e conquistam rebanhos que  acreditam nessa titulação.  Com tempo descobrem que podem ter contato com O Criador,  sem intermediário.  Eis aí,  o início da decepção.  Muitas igrejas parecem mais fã clubes, de seguidores do líder , que casa de oração.
Muitos líderes religiosos estão mais preocupados em se autopromover  do que divulgar o Projeto do Mestre. Fato observado em muitas igrejas onde ao invés da imagem de Cristo , temos a imagem do líder estampado nas faixadas dos templos.  Estranhos que no interior dessas mesmas igrejas pregam-se a não adoração às imagens.  “Santa” contradição!
Para aqueles  que continuam nas igrejas,  mesmo superando as decepções, aos poucos terão  mais uma preocupação : resgatar os decepcionaram por não encontrar o que buscavam nas igrejas e por isso deixaram.
Por fim resta a pergunta: qual é  a postura do cristão  perante tal fato constatado?
Deve ser a de amor a todos. Compreender que a igreja é feita de homens e mulheres não santos.  Que tens que analisar de forma crítica tal fenômeno e dar prioridade no ensinamento da Palavra, pois mulheres e homens esclarecidos saberão discernirem o joio do trigo e, assim,  permanecer firmes na fé,  até o momento de dizer: “combati o bom combate… guardei a fé “.
Se gostou do texto, visite, segue compartilhe  meu blog.
Que Deus o abençoe.
Anúncios

Sobre professoriristeu

Professor Iristeu é pedagogo e especialista em educação.
Esse post foi publicado em Comunicação_campanha. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s